Sem categoria

Resenha – O Desafio de Ferro

 

magisterium-o-desafio-de-ferro-cassandra-clare-holly-black-selo-irado-novo-conceito-mlnet-resenha
Resenha-Série-Magisterium-O-Desafio-de-Ferro-Cassandra-Clare-Holly-Black-Capa-Livro
mags

Fala galera, tudo bom com vocês?

A resenha de hoje é de um livro fantástico que foi lançado a um tempinho atrás pela editora novo conceito, e que teve recentemente sua continuação publicada pelo grupo editorial record. Estamos falando do livro O desafio de ferro – Holly Black and Cassandra Clare – a famosa série Magisterium. Quem traz a resenha dele para nós é a Déborah, resenhista do blog e minha amiga ❤ – Então vamos a resenha…


O_DESAFIO_DE_FERRO_1407776982BLivro: O desafio de ferro
Autor: Holly Black and Cassandra Clare
Páginas: 381
Gênero: Literatura Estrangeira / Fantasia
Editora: Novo conceito, selo Irado.
Nota: 🍦🍦🍦🍦🍦

Sinopse –
Amigos e Inimigos. Perigo e Magia. Morte e Vida. A maioria dos garotos faria qualquer coisa para passar no Desafio de Ferro. Callum Hunt não é um deles. Ele quer falhar. Se for aprovado no Desafio de Ferro e admitido no Magisterium, ele tem certeza de que isso só irá lhe trazer coisas ruins. Assim, ele se esforça ao máximo para fazer o seu pior… mas falha em seu plano de falhar. Agora, o Magisterium espera por ele, um lugar ao mesmo tempo incrível e sinistro, com laços sombrios que unem o passado de Call e um caminho tortuoso até o seu futuro. Magisterium: O Desafio de Ferro nasceu da extraordinária imaginação das autoras best-sellers Holly Black e Cassandra Clare. Um mergulho alucinante em um universo mágico e inexplorado.


12722184_1087644091279788_1638923770_oCallum Hunt teve um acidente quando bebê que comprometeu o funcionamento de umas das suas pernas, após inúmeras cirurgias ela possui um aspecto cheio de cicatrizes e pele repuxada, assim ele é sempre dispensado das aulas de educação física na escola, mas, detesta o olhar de complacência dos outros. Desde sempre ouve do seu pai Alastair a respeito do Magisterium de como é terrível, claustrofóbico e onde qualquer um pode se perder para sempre nos seus imensos e confusos corredores.

Quando é convocado para o Desafio de Ferro, uma série de testes que decidem quem entra nessa escola, ele está determinado a falhar. Magos cruéis foram os responsáveis pela morte da sua mãe e Call não quer se tornar uma pessoa assim. Teste após teste Call causa confusões imensas resultando na nota mais baixa de todos os tempos do Desafio de Ferro, mas mesmo assim ele é escolhido como aprendiz do antigo mestre do seu pai, o mestre Rufus. Call e todos ficam completamente surpresos, exceto Alastair que se desespera. Ao ser retirado do local dos testes, Alastair joga para Call a adaga Semíramis que era da sua mãe.

Call ingressa no Magisterium para seu primeiro ano de magia, o ano de ferro. Ele é aprendiz do mestre Rufus e seus companheiros são Aaron Stewart de quem pouco se sabe e Tamara Rajavi filha de membros da assembleia dos magos, e por ser escolhido como aprendiz pelo mestre Rufus, o mestre mais prestigiado do Magisterium, Call conseguiu ser alvo do ódio de um aluno que almejava esse lugar de honra.

“Jasper se levantou e foi até seu lugar ao lado da Mestra Milagros com um único olhar de ódio lançado na direção de Call.” (pág. 66)

Wallpaper_Magia_960No Magisterium, Call fica sabendo um pouco mais a respeito do Massacre Gelado, a última grande guerra dos magos no qual sua mãe Sarah foi morta, assim como um pouco da história dos magos e a magia que utilizam, que consistem em cinco elementos e a combinação dos símbolos desses elementos é chamado quincunce: Fogo, Água, Ar, Terra e Caos.

“O Fogo quer queimar
A Água quer fluir
O Ar quer se erguer
A Terra quer unir
O Caos quer devorar.” (p. 81)

Todos os magos trabalham com os quatro primeiros elementos, os magos capazes de usar o Caos são bastantes raros e são chamados de Makares, o atual Makar é Constantine Madden, conhecido como inimigo da morte, ele fez tantas experiências com o Caos com o intuito de parar a morte que se tornou o inimigo da morte e de todos os magos que tentaram para-lo. Hoje o mundo mágico está em um momento de trégua com o inimigo da morte, mas todos sentem que essa trégua está para acabar, mas, antes disso acontecer eles precisam de um Makar, apenas um Makar pode derrotar outro e eles estão prestes a descobrir que existe um Makar bem ali, no Magisterium.


Gostei muito desse primeiro livro da saga Magisterium, me apaixonei pelos personagens, Call me rendeu boas risadas em suas aulas, a tensão a respeito do inimigo da morte estar a espreita, a amizade de Call, Tamara e Aaron, a bondade de Célia, o antagonismo de Jasper, todo aquele clima digno de escola. Não podemos deixar de nos preocupar com Call, com a reação de seu pai ao vê-lo entrar na escola. Como Alastair vai reagir quando Call voltar para casa nas férias e dizer que pretende continuar estudando no Magisterium? Só vamos descobrir no 2º volume da série Magisterium – A Luva de Cobre…

Déborah Regina

Anúncios

2 comentários em “Resenha – O Desafio de Ferro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s