Sem categoria

Resenha – One Man Guy

Fala galera, tudo bom com vocês?

A resenha de hoje é muito especial, por que eu simplesmente amei muito esse livro, One Man Guy – Michael Barakiva. É um livro muito fofo, e que mostra a relação de amizade e amor que vai se criando com a convivência entre dois amigos. O livro tem uma leitura tão boa que você nem percebe e já tem terminado.


89763869Livro: One Man Guy
Autor: Michael Barakiva
Páginas: 272
Gênero: Romance
Editora: Leya
Nota: 🍦🍦🍦🍦🍦

Sinopse – Ethan é tudo o que Alek gostaria de ser: confiante, livre e irreverente. Apesar de estudarem na mesma escola, os dois garotos pertencem a mundos diferentes. Enquanto Ethan é descolado e tem vários amigos, Alek tem apenas uma, Becky, e convive intensamente com sua família e a comunidade armênia. Mesmo com tantas diferenças, os destinos de Ethan e Alek se cruzam ao precisarem frequentar um mesmo curso de férias. Quando Ethan convence Alek a matar aula e ir a um show de Rufus Wainwright no Central Park, em Nova York, Alek embarca em sua primeira aventura fora de sua existência no subúrbio de Nova Jersey e da proteção de sua família. E ele não consegue acreditar que um cara tão legal quer ser seu amigo. Ou, talvez, mais do que isso. One Man Guy é uma história romântica, comovente e engraçada sobre o que acontece quando as pessoas saem de suas zonas de conforto e ajudam o outro a ver o mundo (e a si mesmo) como nunca viram antes.


Aleksander Khederian, ou apenas Alek, é um adolescente que tem 14 anos e mora em Nova Jersey, com os pais e o irmão mais velho Andranik, ou apenas Nik. A família de Alek tem origem armênia, e eles fazem questão de levar muito a sério a tradição e os costumes de seus povo. Inclusive, não deixam nunca de relembrar aos filhos do terrível Genocídio Armênio que aconteceu no passado, e fazem questão de não se parecerem com “esses americanos” (como eles sempre falam), o que torna a vida de Alek um saco, já que ele tem que seguir toda a cultura e tradição Armênia, mesmo estando morando em um país totalmente diferente.

Para os pais de Alek, os filhos tem sorte de estarem morando nos estados unidos, e sempre cobram os garotos para que eles se esforcem e se dediquem aos estudos. Mas, como Alek não conseguiu entrar para as classes avançadas para o próximo ano, os pais dele decidem que ele terá que passar as férias fazendo aulas de verão para tentar recuperar suas notas e entrar para as classes avançadas. Alek recebe essa noticia da pior forma possível, já que terá que esquecer a viagem que faria com a família para as Cataratas do Niágara.

12655954_1082416245135906_1061868981_o

Alek é um garoto muito reservado e que tem um estilo totalmente diferente dos demais garotos de sua idade, o que o deixa meio Nerd style. Sua unica amiga é uma garota chamada Becky, que estuda no mesmo colégio que Alek, e que sempre andam juntos no percusso escola para casa.

Enfim chega o dia de ir para as aulas de verão, Alek já acorda pensando que tudo isso vai ser uma grande perda de tempo, que ele vai ficar entediado, já que Becky não vai estar lá para lhe fazer companhia. Mas ele não contava com a sorte do destino, na verdade destino é algo que eu não acredito muito… Quando é pra acontecer, acontece. Não é mesmo?

Em meio a toda essas chatices de aula de álgebra e tudo mais, algo bom acaba acontecendo. Certo dia quando estava voltando para casa, ALek resolve ir do outro lado da estação observar o que se tem por ali, já que seus pais nunca deixavam que ele andasse por aquelas áreas. Ele descobre uma área onde um grupo de garotos usam para andar de skate e passar o tempo entre amigos. Até que um desses garotos vê Alek e vai tirar satisfação de o por que Alek estar ali observando eles, o que acaba gerando uma discussão, e um garoto entra no meio da discussão para defender Alek. E é aí que uma historia de amizade começa.

O garoto se chama Ethan, e faz Álgebra na mesma sala de Alek, na turma especial de verão. Alek resolve então agradecer a Ethan por ter intercedido a seu favor, mas não encontra oportunidade. Até que um dia indo para a escola, ALek encontra Ethan na plataforma de trem e vai agradecer pelo que fez, mas acaba sendo puxado para dentro do vagão de trem, por Ethan, que estava indo para um show de Rufus Wainwright no Central Park. Alek nunca tinha matado aula, já que isso era algo que os pais não concordariam.

one-man-guy-by-michael-barakiva

Nisso Alek vai entender que precisamos sair da nossa zona de conforto e conhecer o mundo e a si mesmo, como ele realmente é. A partir dessa aventura, surge uma amizade entre dois garotos totalmente diferentes e que logo Alek percebe que todo o sentimento que sente por Ethan, vai muito além do que o simples fato de serem amigos, é um sentimento de querer estar próximo, de se sentir bem quando está com essa pessoa.

“– Quero que você me leve para fazer compras.

– Acho meio cedo para escolhermos cortinas. Afinal de contas, não somos lésbicas.

– Não é isso que eu quero dizer, Ethan. Quero roupas como as suas. Roupas descoladas.

– Não é porque estamos juntos que você precisa se vestir como eu, Alek. Gosto como você se veste. É nerd-chique.”

“Só sei que gosto de estar aqui com você e não consigo me imaginar querendo mais ninguém. Isso basta para você?” – Alek – Pág. 154

one man guy 1

É uma história romântica, linda e fofa de dois adolescentes que descobrem mais sobre sua sexualidade, e que a cima de tudo se amam e se respeitam, e passam por cima de tudo para ficarem juntos, até mesmo da não aprovação imediata da família de Alek. O que é pertinente no livro é que ele retrata de algo que é comum na nossa sociedade, já que muitos jovens passam pro problemas de aceitação própria, já que a nossa sociedade está mais apta a julgar do que ajudar.

Então é isso pessoal, espero que tenham gostado da resenha, se sim, deixa ai nos comentários o que acharam e se pretendem ler ❤ Beijos e até a próxima.

Junior Cunha

Anúncios

Um comentário em “Resenha – One Man Guy

  1. Muito TOP, comecei a ler este livro hoje e estou super apaixonado… E pela resenha, posso afirmar plenamente, este livro é fantástico. 😍 😍 😍

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s